quarta-feira, 7 de março de 2007

Sonhos

__Na noite de 28 de dezembro, sonhei que eu já estava de volta ao Brasil e um dos meus parentes me falava:
__-Viu, Renan? Não disse que passaria rápido?
__Eu estava triste no sonho. Não conseguia acreditar que a viagem já terminara. Me ressentia por ter aproveitado pouco, por não ter muitas histórias para contar, por não ter dado valor para os dias que passei nos EUA.
__Fiquei feliz ao acordar e perceber que ainda estava no quarto do Golden Eagle. Depois do café da manhã (batata frita e água), saí do quarto e observei a paisagem. Que sorte meu intercâmbio ter sido bem aqui, em Big Sky, cidade que não sabe o que é violência, pobreza e discriminação. Não que eu queira fechar os olhos e fingir que isso não existe em tantos lugares do mundo e dentro dos EUA. O ponto é que todos nós sonhamos com um mundo justo, seguro e belo, sem ter noção de qual seria a sensação de se viver num mundo assim. Agora, eu já sei como seria esse mundo, pois Big Sky é assim. Já experimentei o mundo que eu desejo.
__Sonhos parecidos se repetiram por algumas noites. Algumas vezes, eu sonhava que perdera algum documento no Brasil antes de embarcar e, por isso, não poderia vir para os EUA. Também sonhava que estava no avião vindo para cá e, por algum motivo, ele acabava voltando para o Brasil.
__Certo dia, conversava com o Caio quando ele disse:
__-Essa noite eu sonhei que fui para o Brasil e depois não conseguia voltar para cá.
__Numa outra vez, foi a Karla quem falou dos seus sonhos:
__-Gente, estou sonhando cada coisa! Não sei o que está acontecendo! Essa noite eu sonhei que estava sendo degolada.
__O Miguel também comentou uma vez no Ticket Sales:
__-Estou tendo uns sonhos esquisitos! Coisa muito estranha.
__Eu perguntei para ele que sonhos eram esses, mas ele acabou não me contando.
__Fica claro que os meus sonhos e o sonho do Caio revelam um desejo de aproveitar ao máximo o intercâmbio. Já o que podem significar os sonhos da Karla e do Miguel eu não faço a menor idéia. Nós todos fomos pegos por esses sonhos em menos de três semanas. É fato que eu e meus amigos temos sonhado mais do que o normal por aqui.
__Para quem não sabe se faz intercâmbio ou não, eu gostaria de largar um questionamento: não vale a pena experimentar uma viagem dessas? Que mostra o mundo que você quer, que te deixa deslumbrado durante o dia e invade seus sonhos durante a noite?
__Alguns intercambistas daqui se deixam abalar por problemas do emprego: chefe chato, trabalho sob pressão, clientes impacientes, desentendimento entre os colegas etc. Alguns pensam até em voltar para o Brasil por causa desses incômodos. Há ainda os que, por medo desses empecilhos, nem sequer tentam um intercâmbio.
__Se você está decidindo entre fazer intercâmbio ou não, pense: o que são esses detalhes perto do que você experimentará se fizer? É preciso cuidar para que a mente não diminua a ponto de esses pequenos problemas parecerem grandes. É da oportunidade de conhecer melhor o mundo dos outros e o nosso mundo de que estamos falando.

3 comentários:

Mamãe disse...

É isso ai Filho!!!
Oque diriamos do Frio se não tivessemos sentido o Calor?
Como saberiamos que Big Sky era tudo isso se tu não estivesse ai????....
Da vontade de experimentar também.
Beijos de mamain

Scarlett disse...

Well said!!!

Mais valem dois chefes chatos nos Estados Unidos q um no Brasil.

Hmmmm... tu deve ta ganhando mt dinheiro msm, heim? Nunca mais aparece...!

Cuide-se!

anderson disse...

Hey,
estou gostando muito do seu blog. Descobri pelo Orkut. Fiz um programa destes em 2005, mas em New York, como designer.
Tive muitos sonhos parecidos, nao pude deixar de comentar!
Abraço!